terça-feira, março 28, 2006

Menina

Um vento forte
Que veio sem avisar
Tocou o coração da menina
Que não soube recusar

Menina que parece mulher
Mas no fundo estava perdida
Querendo se encontrar
Mas mantendo-se escondida

Voce apareceu
E viu nos olhos a mulher
Com palavras, o coração
A menina te entregou...

Agora cuida do que é seu
A alma da mulher
Que a menina ofereceu.

Um comentário:

Roy disse...

Menina, menina, hem? :P

RF